A cárie dentária é um dos problemas mais comuns entre a população mundial. Mesmo assim, a ela costuma não ser levada muito a sério pela sociedade por não apresentar (aparentemente) riscos fatais à saúde.

Mas você sabe realmente o que é cárie dentária? Entenda mais, neste artigo, sobre o que é a cárie, como prevenir e tratar este problema.

Como prevenir as cáries
Fonte: Freepik

O que é cárie dentária?

A cárie consiste na destruição do elemento dentário, sendo resultado de uma rotina alimentar do indivíduo rica em carboidratos, ligada à presença de bactérias e higiene oral precária.

Essas atitudes fazem com que bactérias se proliferem e ataquem as estruturas do dente por meio da produção de ácidos orgânicos que atuarão na superfície dentária com maior ou menor intensidade, dependendo da suscetibilidade do hospedeiro em questão.

A produção desses ácidos se torna possível por conta dos açúcares, que são como combustíveis para as bactérias.

Essas bactérias são chamadas de Streptococcos Mutans e têm como característica o agrupamento para se alimentar dos açúcares da dieta.

Dicas para evitar as cáries
Fonte: Envato

Podemos, ainda, distinguir as cáries em três tipos diferentes, sendo eles: cárie radicular, recorrente e coronária. O tipo mais comum é a coronária. Ocorre tanto em crianças como em adultos.

A cárie radicular é mais comum em pessoas mais idosas e é causada pelas áreas expostas dos dentes deixadas pela retração das gengivas, comum ao passar dos anos. No caso da cárie recorrente, ela se desenvolve em volta das restaurações e coroas já existentes.

Os problemas causados pela cárie não podem ser menosprezados. Quando não ocorre o tratamento adequado deste problema, a cárie pode lesionar a dentina (como dito anteriormente), o que provoca dor e sensibilidade na área afetada.

Também se não removida a cárie, poderá esta evoluir para um futuro tratamento endodôntico (tratamento de canal/canais).

Cuidados para evitar a cárie
Fonte: Envato

Além disso, um foco dentário poderá levar à uma infecção focal que seria um foco à distância, correndo risco de até mesmo de uma endocardite bacteriana e até uma infecção generalizada.

Outro dado interessante de ser ressaltado é que a cárie é comum e mais propícia de ser diagnosticada em países mais desenvolvidos. Isso se deve pela facilidade de comercialização de produtos açucarados nestes países.

Cárie dentária é uma doença infectocontagiosa

A cárie é reconhecida como uma doença infectocontagiosa que resulta na perda localizada de minerais dos dentes acometidos, causada por ácidos provenientes da fermentação microbiana dos carboidratos da alimentação.

Como prevenir

Tendo em vista que o açúcar é o principal combustível que alimenta as bactérias, a primeira forma de evitar a proliferação dessas bactérias é adotando uma dieta bem regular, com menos ingestão de açúcar.

Mas a principal forma de prevenção é a escovação dos dentes pelo menos três vezes ao dia juntamente com o uso do fio/fita dental. Importante ressaltar que a escovação e o uso de fio dental ajudam na remoção da placas bacterianas dos dentes.

Cuidados com os dentes
Fonte: Envato

Mas tenha cuidado, escovar os dentes em excesso (mais do que o recomendado) e com muita força não significa que você está seguro. O flúor presente na pasta fortalece os dentes,  porém esta atividade em excesso pode desgastar o esmalte protetor dos dentes, os deixando expostos.

Aplicação de flúor tópico também ajuda muito na prevenção do aparecimento de cáries.

Outra dica de prevenção é manter visitas constantes ao seu dentista. As consultas regulares ajudam na detecção de problemas ainda em fase inicial, o que auxilia no tratamento mais precoce e menos radical de determinado problema.

E para ajudar a manter sua saúde bucal em dia, pode contar com uma empresa de planos odontológicos como a PrimaVida Dental. Aqui, você tem o acompanhamento de profissionais especializados em odontologia para um atendimento personalizado para você e seus funcionários.

Além disso, nós oferecemos planos dentários especiais para servidores públicos. Venha para a PrimaVida.

Gostou do conteúdo? Compartilhe.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp